Terceira Automóvel Clube

Notícias

Clássicos: Levados por um sol de Outono...

Quinta, 30 Outubro, 2008

-Miguel de Sousa Azevedo - "a UNIÃO". -Foto: Ricardo Laureano. Mais do que referir a �utilidade� pública de se organizarem passeios de automóveis clássicos ou sequer enaltecer a forma ordeira e profissional como estes eventos têm decorrido na Terceira, há que destacar o orgulho na cara de cada um dos proprietários dos mais de 40 carros que andaram por aí no sábado, todos eles disponíveis para exibirem os seus �brinquedos� estrada fora e com vontade expressa de falar sobre peças e restauros durante as horas que são, em alguns casos, o intervalo entre o muito tempo (e dinheiro�) dispensado a alimentar a paixão de ver rolar em brilho todos aqueles automóveis com história. Uns mais imponentes, outros com avanços tecnológicos que fizeram furor, mas todos eles com esmero em abundância sob os capots e muita dedicação nas reluzentes carroçarias. A caravana saiu de Angra já com a manhã a despedir-se, tendo rumado ao Algar do Carvão (onde havia alguma indefinição face ao acesso, mas que felizmente se resolveu a contento de todos), local que foi visitado em estreia por alguns dos presentes, sendo que a demora inicial levou os cerca de 100 participantes até aos Altares para um agradável almoço no �Caneta�, onde houve histórias e conversa para todos os gostos. Pelo litoral foi-se depois para os vizinhos Biscoitos, com nova paragem para provar as novidades da Adega Cooperativa local, seguindo-se ao interior da ilha, que se atravessou em bom ritmo para chegar à sede do TAC, onde as participações e distinções foram devidamente premiadas. Na Terceira, depois dos ralis, do todo-o-terreno, das motos , quads e demais motores, também os clássicos respiram saúde, sendo que os investimentos e apoios são, quando comparados com outras paragens, meramente residuais. Se bem que os resultados estejam à vista�

Ver todas notícias

Bem vindo ao novo portal do Terceira Automóvel Clube! Fundado em 26 de Maio de 1975, este é um clube que promove o desporto motorizado, mas também outros desportos não motorizados como natação, basquetebol e futsal, bem como outras vertentes da sociedade terceirense, sendo por isso, uma Instituição de Utilidade Pública de olhos postos no futuro.